segunda-feira, 14 de março de 2011

Cachoeira Usina Velha




     A Usina Velha, na verdade, não é uma cachoeira, mas uma série de pequenas quedas. O lugar tem esse nome porque ali funcionava a usina de produção de energia elétrica de Gastão de Siqueira. A maior queda, de uns 10 metros, desaba das ruínas da barragem de concreto da usina.



     Localizada no Ribeirão do Inferno, um dos afluentes do rio das Almas, a Usina Velha é de fácil acesso. Basta seguir pelo Alto do Bonfim até a estrada de acesso para o Parque do Pireneus, então vira para a esquerda na placa, passa na ponte de madeira que dá acesso às pedreiras, próximo à Meia Lua, e chega numa guarita. Ali é cobrada uma taxa de R$ 10 reais por pessoa. 



     Depois da guarita é preciso tomar cuidado para não se perder, já que as placas são pequenas e um pouco confusas. Se você for em dia útil, não cobram a entrada, mas aí é necessário redobrar a atenção, pois a estrada é a mesma por onde transitam os caminhões que transportam as pedras da Pedreira da Prefeitura.




     Você tem que parar o carro uns quinhentos metros distante da Usina Velha e seguir a pé. Mas depois que chega ao local vale a pena. É lindo. A água é fria! mas depois que acostuma é gostoso demais.







by Adriano César Curado, escritor, poeta e historiador.  Baixe gratuitamente seu livro DEUS MORA NO SEU INTERIOR ou entre em contado através de adrianocurado@hotmail.com

5 comentários:

  1. Ana Flávia de Lima16 de março de 2011 14:17

    Ai que vontade de mergulhar nessas águas gelaaaadas!!!!

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo o blog, muito bom o conteudo!!

    ResponderExcluir
  3. Faz tempo que deixou de ser cobrado apenas 10,00 rs

    ResponderExcluir
  4. Faz tempo que deixou de ser cobrado apenas 10,00 rs

    ResponderExcluir
  5. Liguei esta semana, dia 12/01/2016. Para o os dias 20, 21 e 22 de janeiro está R$ 50,00 a diária com direito ao camping.

    ResponderExcluir

Minhas leitoras e meus leitores, ao comentarem as postagens, por favor assinem. Isso é importante para mim. Se não tiver conta no Google, selecione Nome/URL (que está acima de Anônimo), escreva seu nome e clique em "continuar".

Todas as postagens passarão por minha avaliação, antes de serem publicadas.

Obrigado pela visita a este blog e volte sempre.

Adriano Curado