domingo, 23 de março de 2014

A terra da gente

Não há lugar neste mundo melhor que a terra da gente, onde se respira o clima agradável da infância, onde se busca a paz e a harmonia com o meio em que se cresceu e floresceu. Quando cruzo a soleira do portal de entrada de minha aldeia, sinto como se minhas energias se revigorassem, como se o estresse dos problemas que tive que resolver lá fora finalmente se dissipassem e agora eu posso viver pleno e leve. Como é bom a terra da gente!

Adriano Curado





6 comentários:

  1. Joaquim Inácio Garcia24 de março de 2014 10:01

    Quando passo pelo portal..Sinto que os novos tempos e os novos rumos que fazemos parte.. é lindo mas não parece sustentável...Saudade da Bucólica Piri da Ramalhuda, lajes, piri-piri e andorinhas ...Com madrugadas silenciosas enluaradas em suas ruas de velhos casarios coloniais habitados por famílias conhecidas e, todos aparentados e compadres ...saudade do que não volta mais ...

    ResponderExcluir
  2. Fátima Maria Fleury24 de março de 2014 10:02

    É o que eu também sinto por essa terrinha tão maravilhosa da gente, Adriano Curado. Falou e disse tudo, aqui é o nosso pequeno Paraíso!

    ResponderExcluir
  3. Mesmo morando longe e nas poucas vezes que vou a minha terra me faz um bem danado e ate atraves de suas fotografias eu me deleito.

    ResponderExcluir
  4. Luiz Antônio Godinho24 de março de 2014 10:03

    Pirenópolis é o paraíso dos paraísos.

    ResponderExcluir
  5. Pire, traz boas enérgias para todos nós, seu ar, a lua, suas cachoeiras, a rua aurora, a casinha da vovó e o encontro com os amigos que nos traz alegria. Assim é o piri.

    ResponderExcluir
  6. Me lembro tão bem de andar por essas ruas quando tinha ainda 11 anos de idade e sentir tudo isso que vc escreveu. Já sabia que sentiria saudade desde sempre. É por isso que sempre preciso voltar e carregar as energias. É nesse lugar que gostaria de viver para sempre.

    ResponderExcluir

Minhas leitoras e meus leitores, ao comentarem as postagens, por favor assinem. Isso é importante para mim. Se não tiver conta no Google, selecione Nome/URL (que está acima de Anônimo), escreva seu nome e clique em "continuar".

Todas as postagens passarão por minha avaliação, antes de serem publicadas.

Obrigado pela visita a este blog e volte sempre.

Adriano Curado